inadimplência de clientes

Como acabar com a inadimplência de clientes em 2019? Aprenda agora!

Lidar com a inadimplência de clientes é um dos principais desafios para qualquer empreendedor, principalmente para aqueles que trabalham com vendas recorrentes.

Quando a empresa deixa de receber pelos produtos ou serviços vendidos, sua saúde financeira é comprometida, o que pode resultar em problemas como falta de caixa e baixa lucratividade.

Não só isso, negócios com altas taxas de inadimplência criam uma imagem de risco diante instituições financeiras e de investimento, o que reduz suas chances de conseguir bons acordos para levantar capital.

Como consequência, além de ter déficit no caixa, os custos de manutenção da empresa aumentam.

Pensando nisso, colocamos abaixo as principais formas de reduzir a inadimplência de clientes, garantindo que o seu negócio não sofra com os problemas causados por esse indicador. Confira!

Tenha uma régua de cobrança efetiva

Não é novidade que um bom planejamento e organização sempre ajudam nos desafios. Por esse motivo, é indicado que, ao oferecer pagamento a crédito, ou de forma recorrente, você tenha uma régua de cobrança bem estabelecida. Isso inclui:

  • quando notificações de cobrança serão enviadas;
  • quando ações legais devem ser tomadas;
  • quando o serviço será suspenso (se aplicável);
  • quais canais de comunicação serão usados;
  • quais procedimentos devem ser realizados na negociação de acordos.

O ideal é ter um time dedicado para realização de cobranças e que sua régua comece, pelo menos, cinco dias antes do prazo de pagamento.

Normalmente, mais ações são feitas em até três meses do vencimento e, posteriormente, as iniciativas possuem intervalos maiores entre si — visto que ações legais já poderiam ser tomadas e as chances da dívida ser quitada são menores.

Use um sistema de gestão

Outra forma de reduzir a inadimplência de clientes é por meio de um sistema de gestão.

Alguns softwares oferecem diversas funcionalidades que tornam as atividades de vendas e cobranças mais fáceis e otimizadas — como a construção e implementação da régua de cobrança, acompanhamento de vendas para cada cliente e controle de estoque.

Com isso, fica mais fácil acompanhar os indicadores que impactam na inadimplência e pensar em ações para evitar que ela aconteça. Por exemplo, o time pode identificar clientes que têm atrasado seus pagamentos com frequência e entrar em contato para avaliar se existem medidas que podem ser tomadas para facilitar esse processo, como à adoção de débito automático ou alteração da data de vencimento.

Outro ganho é na produtividade da equipe, que tende a aumentar devido ao uso de um sistema de gestão. Isso porque essas ferramentas automatizam atividades manuais, permitindo que os colaboradores se dediquem mais às funções estratégicas da área.

Esteja pronto para suspender serviço

Empreendedores que trabalham com prestação de serviços recorrentes, como assinaturas, precisam ter um prazo para a suspensão do serviço.

A prática funciona como um incentivo para que o cliente pague sua dívida e como uma forma de reduzir os custos da empresa — e consequentemente seu prejuízo com a falta de pagamento.

Dessa forma, estabeleça quando é o momento correto para fazer a suspensão.

Normalmente, ele varia conforme o serviço prestado e os custos envolvidos com o corte ou restabelecimento do serviço, por isso, vale a pena buscar referências em sua área de atuação.

Além disso, não se esqueça de incluir em sua régua uma notificação indicando que a prática será feita e o prazo para evitar que ela aconteça, dando maior incentivo para que o pagamento ocorra dentro do prazo.

Adote novos métodos de cobrança

Tradicionalmente, as empresas fazem uso do telefone, mala direta ou e-mail para realizar cobranças de pagamentos.

A primeira tende a apresentar alto custo para a empresa e é vista como invasiva pelos clientes, enquanto a segunda é mais cara e menos invasiva, porém com baixo retorno e a terceira é barata e não apresenta tanta efetividade.

Por esses motivos, é indicado buscar por outros meios de cobrança e incluí-los em sua régua.

Algumas opções mais modernas e interessantes, são:

  • aplicativo da empresa que emite notificações no smartphone do cliente;
  • mensagens via SMS para o celular;
  • chatbots nas redes sociais.

Com o surgimento de novas tecnologias e a popularização da internet, é indicado adaptar a régua de cobrança e usar essas ferramentas para alcançar mais pessoas e oferecer comodidade em seu processo de pagamento.

Uma dica é criar uma página online para os clientes, na qual eles podem acessar histórico de contas pagas e àquelas que estão para vencer, bem como fazer o pagamento.

Fica evidente que a inadimplência de clientes é um desafio a ser superado e não pode ser ignorado por nenhum empreender.

Por isso, é muito importante buscar por medidas que minimizem esse indicador e garantam melhores resultados financeiros para o negócio — como as apresentadas nesse artigo.

Gostou de saber como reduzir a inadimplência de clientes no seu negócio? Então não deixe de curtir a nossa página no Facebook e receber mais dicas como essas, direto na sua timeline!

Powered by Rock Convert

Quer saber mais sobre gestão e vendas? Assine nossa newsletter!

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.